quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Só saudades


Só saudades
Daquela cumplicidade
Que nos envolveu
Depois que me aqueceu
Com seus beijos e os seus desejos
Nunca mais me concedeu
Aquele doce abraço.

E assim levo á vida meu amor,
De lembranças
Doces, vividas
Ao seu lado minha flor.

Dias passo a sofrer
Sem, contudo esquecer.
O sabor adocicado
Dos teus beijos
Dos teus lábios
Do teu corpo junto ao meu.

4 setembro 2013-09-04
Luiz


Nenhum comentário:

Postar um comentário